Saiba um pouco mais sobre os projetos de impactos socioambientais


Por Nayara Azevedo

Coluna Meio Ambiente & Sustentabilidade

blog.flaviomarinho.com.br

As empresas de impacto socioambiental têm o propósito de uma ONG e a estrutura de uma empresa para manter e viabilizar ações sustentáveis. Saiba um pouco mais no programa abaixo.

Incêndio destrói materiais de reciclagem em galpão na zona Oeste de Natal

Um incêndio atingiu o galpão da cooperativa de catadores de materiais recicláveis de Natal nessa segunda-feira (28). O local fica ao lado da estão de transbordo de resíduos sólidos, o antigo lixão de Cidade Nova.

As chamas teriam se espalhado pela área e atingido o galpão com todo o material reciclado durante o mês

O fogo teria começado por volta das 14 horas, quando uma mulher estava cozinhando na parte de fora do local. As chamas teriam se espalhado pela área e atingido o galpão com todo o material reciclado durante o mês.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio foi controlado no início da noite. Além do material de reciclagem, equipamentos que estavam no galpão também foram danificados. Ninguém ficou ferido na ocorrência.

Governo entrega ferramentas e EPI’s aos municípios afetados por óleo

Nessa segunda-feira, 28, o Governo do Estado, por meio da Defesa Civil, iniciou a entrega dos kits com equipamentos de proteção individual (EPI’s) e ferramentas a serem usados por voluntários e servidores públicos envolvidos na limpeza do óleo das praias. Cada kit contém pás, baldes, peneiras, carros de mão, máscara com respirador, peneiras, big bags, bombonas plásticas, filtro solar, luvas e botas de borracha de cano médio.

Durante todo o dia, a equipe da Defesa Civil Estadual fez a divisão do material e a noite começou a entrega dos kits. Inicialmente, foram atendidos os municípios com maior registro de áreas afetadas pela incidência do óleo. São eles: Parnamirim, Tibau do Sul, Canguaretama, Georgino Avelino. As outras cidades atingidas receberão os kits nesta terça-feira, 29. Os materiais entregues são parte doação feita pela Cosern, que doou as botas, luvas de borracha, máscaras com proteção para gases e protetor solar; do material enviado pelo Governo Federal, através do Grupo de Avaliação e Acompanhamento (GAA), entregou pás, carros de mão, ancinhos, peneiras, baldes e big bags; e do Governo do Estado, por meio do Idema, que adquiriu bombonas plásticas.

O Governo do Estado tem tomado ações para minimizar os impactos do derramamento de óleo. Cadastrou e capacitou quase dois mil voluntários para atuarem na retirada do óleo. “O nosso litoral voltou a sofrer neste último final de semana com vestígios de óleo deste desastre ambiental. Esse incidente tem prejudicado a todos. Desde o meio ambiente, a economia e a sobrevivência de várias pessoas que vivem do comércio e da pesca. Entretanto, temos contado com a ajuda de muita gente para superar essa tragédia. E essas pessoas precisam ser protegidas por meio do uso de EPI’s adequados”, disse o diretor do Idema, Leon Aguiar.

O Governo do Estado tem tomado ações para minimizar os impactos do derramamento de óleo

Os representantes do governo do Estado agradeceram a iniciativa da Cosern em destinar EPI’s e somar ao esforço de redução de danos, que tem mobilizado toda a sociedade.

A campanha de arrecadação continua

As doações podem ser destinadas à unidade do Idema, localizada na Av. Nascimento de Castro, 2127 – Lagoa Nova, na sede do CREA-RN, na Av. Salgado Filho, 1840-Lagoa Nova, e na sede da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (Cedec), no Centro Administrativo (Escola de Governo), das 8h às 17h. Todo material será repassado aos voluntários, treinados pela Defesa Civil, para trabalhar diretamente na contenção dos danos provocados pelo crime ambiental.

MPF cobra maior atuação do governo federal contra manchas de óleo no Nordeste

O MPF, Ministério Público Federal, vai entrar com recurso em uma ação que cobra uma maior atuação do Governo Federal nessa tragédia.

O óleo já atingiu 254 localidades em 92 municípios do Nordeste

Os procuradores de todos os estados nordestinos afirmam que o Plano Nacional de Contingência não foi efetivamente acionado pela União como determina a lei.

Nesta segunda, 27, o óleo apareceu em fragmentos menores espalhados na areia nas praias de Búzios e Camurupim, no município de Nísia Floresta, RN.

O óleo já atingiu 254 localidades em 92 municípios em todos os nove estados do Nordeste.

A origem do vazamento ainda não foi identificada.

A maior preocupação com quem cruza a rodovia é a alta temperatura e a fumaça que pode prejudicar a trafegabilidade dos veículos

Bombeiros tentam conter incêndio no Pantanal, em Mato Grosso do Sul

A região do Pantanal voltou a ter cuidados redobrados devido a mais focos de incêndio que estão surgindo na região que são consequências do calor intenso e falta de chuva. De acordo com o Sargento André Martí, do Corpo de Bombeiros de Corumbá, devido ao fogo chegar nas proximidades da BR-262, é preciso ter atenção redobrada ao passar pelo local.

A maior preocupação com quem cruza a rodovia é a alta temperatura e a fumaça que pode prejudicar a trafegabilidade dos veículos. “Por isso, se passar pelo local e estiver ocorrendo o incêndio, feche os vidros do carro, diminua a velocidade e redobre a atenção, pois pode ter animais na pista tentando fugir do fogo”, explica o Sargento.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) recomenda aos motoristas que evitem viajar no período noturno até que cessem as queimadas.